quinta-feira, fevereiro 04, 2010


Os Relatos de David (O diário de um coração negro) Fim da primeira fase

21

Relato 16-Foi tudo uma mentira...Me desculpe!!!

Eu sei que disse um "sim" deveria ter enxergado
Mas isso foi errado ... Eu esqueço a realidade quando eu penso em você
meus pais vão descobrir e dar um fim a minha alma
eles não vão deixar que fiquemos juntos seja este amor verdadeiro ou não
Isso é tudo...De qualquer forma tenho que esquecer
Desfeito de qualquer tipo de esperança ou ilusão... Deixando a luz do sol acariciar meu rosto
Eu posso ver, mas o que podemos fazer?
Eles nos dão essa dor e nos sentenciam a morte
O que eles adoram ... eles matam ele e seu amor pouco a pouco
Este amor é como uma pomba presa em uma gaiola
nunca vai ter vôo
A autoridade tem a sua coroa,uma a foice e um martelo talvez,
o amor nunca sequer toma vôo,
é sufocado e ceifado sem lutar
Desse modo, mentir desta forma será o entorpecente que me impedirá de cometer uma loucura...


Relato 17- Semancol

Este vidro está cada vez mais grosso ... mais difícil de sair, mais difícil de ser ver através dele...
Agora eles servem para tentar furar a minha estranheza mediante a tudo que está acontecendo
Eu preciso sair dessa prisão, eu estou mais invisível do que nunca
Essa dor... se eu não sair logo, pode durar para sempre
Eu preciso sair... eu tento e tento, mas aqueles que podem me ver zombam:"os seus esforços serão inúteis” ...
Agora eu não estou preso, meu estereótipo é este, não quis encarar a realidade e fiquei aqui
preso neste vidro a uma realidade que não existia vivendo uma falsa alegria.
Por ser desprezado por você,fiz com que a dor e a amargura fizessem parte de mim
Esta dor eu posso suportar, não através de um desafio, ela vai embora lentamente
levando os meus sentimentos com ele lentamente, quando eu tirar essa dor e juntar as palavras que se enriquecem humildemente,
Este relato é a medicina, mas, meu coração vai explodir de novo ...
Você sempre será parte de mim,tanto boa quanto ruim
Agora, o sentimento de fúria vem à mente
destruir e odiar as coisas, isso vem junto com minhas palavras
embora eu não tenha feito nada de errado;
Vidros,estrelas,destino...
Pensamentos e ações me condenam ...


Relato 18- O fim dos maus sentimentos

Eu deveria estar entorpecido ....
È algo completamente estúpido de se ter como desculpa
Algo que eu não quero, por qualquer razão ... Não, eu não quero...
Fazer algo que possa me assombrar pelo resto da vida
Mente e alma,
desgaste de uma vida...
desgaste de palavras e do caráter, e até mesmo do corpo
mudar todas as roupas, toda a moral, toda a bondade de má qualidade
desgastar a sola da vida
como um trocadilho
Que divertido!!!!Digno de repugnância
Nunca mais eu cresci com entusiasmo, nem alegria
Vou apenas sentar ali,me lembrando de como eu estou sem sentido, sem emoção, como um brinquedo
Eu posso sentir a vida andar na velocidade de uma carroça
e posso suportar esta dor
por uma questão de não ser insensível ou ser um mártir
apenas prefiro tentar manter o que resta da minha sanidade
Todas essas palavras partiram de dentro de mim do meu coração negro ... ah, devo escrever “fui quase feliz pra sempre”?
(Eu já não acredito nessas coisas nem acredito que me entorpeci ou desprovi de alegria apresento-lhes estes relatos que escrevi, para ELE há muito tempo e digito até agora,isto é um lembrete de que o Senhor me salvou no último segundo de minha existência)


Relato 19- Começar de novo

Aqui estou eu novamente
mais uma vez preso a caneta e o papel
reprimindo sentimentos, lutando contra mim mesmo, e gritando como sempre!!!
Agora tenho de acabar com ela
e não ser tentado pelo seu fascínio
Eu tenho que destruir os sentimentos de amor
que me trancam na minha prisão como uma pomba presa
Dessa vez ela não vai voar
Dessa vez eu espero até que eu siga em frente ou morra
Vou me colocar de volta naquela jaula
Não vou virar a página

Desta vez não acumularei a raiva
O que acontecerá será um enigma...
Eu começo este relato, mais uma vez
Trancado no meu extasê emocional
voltando ao ápice negativo anterior
Voltando para onde nós começamos, a batalha de longe está ganha
mesmo olhando para trás e lembrando um pouco de tudo o que foi perdido
Eu não pude e não quis ser encontrado vivo embora eu esperasse que sim.
Sinta,
Você mesmo,
Como eu escrevo de novo, e mais uma vez você está no meio de minhas palavras
Tento encontrar uma saída para me ver livre disto!!!!!!!!!!!!!

Continua...

Próximo relato e segunda fase: "Os relatos de David (Um dia,um relato)" essa será a fase mais curta com apenas 2 relatos,em breve a terceira....

21 Desabafos:

Elmo Freitas disse...

Cada vez que visito seu blog, me surpreendo mais!
Parabéns mesmo!

Neuro-Musical disse...

Olha, eu não li porque não acompanhei a história desde o inicio. Vou ler e depois posto um comentário descente. Desculpa =/

http://cerebro-musical.blogspot.com

Jonathan disse...

isso foi agoniante...

Passe em meu blog: http://librianodoamor.blogspot.com/

Gregory Vancher disse...

Confesso que não li as partes anteriores, mas não vou prometer que lerei pra depois comentar pois isso quase nunca acotece na realidade.
Sobre o post com esses relatos, eu devo parabenizá-lo pela forma de escrever e conduzir a narrativa. Mas o que me deixou mais amirado foi a maneira de descrever os sentimentos de repressão, clausura e auto-censura, fazendo com que o leitor sentisse o mesmo que o personagem (eu mesmo senti um aperto no peito ao ler, mesmo sabendo ser uma possível ficção).
Parabéns, você escreve bem e conduz um relato com muita habilidade.

Montanari disse...

"Você sempre será parte de mim,tanto boa quanto ruim
Agora, o sentimento de fúria vem à mente
destruir e odiar as coisas, isso vem junto com minhas palavras"


Confesso que chorei lendo essa parte. Me lembrei do meu amigo.

pablo disse...

po muito bonito cara,bem sentimental,parabéns pelo blog
http://futebolshoow.blogspot.com/ visita lá

Melisseira (♥) disse...

Hum .. Adorei o Relato 19

Linny ... disse...

vc num é incomum
eu tbm já tive muitos desses seus sentimentos pra falar a verdade
acho que vc sabe como relatar de forma brilhante
as coisas que mais nos assolam
:) meus parabéns!

Thiago Paulo disse...

Que postagem diferente, adorei! É bem complexo, por isso, vou voltar e ler desde a primeira parte! Mas parabéns, você escreve muito bem...

Até +

Paulinha Leite disse...

O Relato do "Semancol" na minha concepcao foi o melhor! Adorei o blog.

kbritovb disse...

curti mto =]
ri mto no semancol

Rodolfo Soares disse...

Foram quatro ótimos relatos. Mudaste bastante a temática de um para o outro. gostei disso, gostei em particular do Relato-17, o primeiro achei angustiante e infantil, mas houve uma evolução que achei ótima. Abraços
www.borarir.com

War Inside My Head disse...

ADORO SEU RELATOS, ALGO INSPIRADOR , ESCREVE MUITO BEM MESMO!

Calango disse...

vc num é incomum
eu tbm já tive muitos desses seus sentimentos pra falar a verdade
acho que vc sabe como relatar de forma brilhante
as coisas que mais nos assolam...

alguém disse isso num coment acima... não tenho o que dizer... ela já disse por mim...

DuduIndie disse...

Intenso, relatos com sopros de lamúrias e com vagas percepções de magoas, mas muito verdadeiros e á acrescentar "Só se deixa reprimir quem não ousa ter forças pra lutar, não deixe o dia amnhecer sem saber o por quê.."
legal, belo Blog!

www.quemquiserleia.com

meus instantes e momentos disse...

muito bom tudo aqui
vou voltar, ler com calma.
Gostei daqui.
Maurizio

Merendinhas Hipócritas disse...

PARABéns filho

atila disse...

Vc é uma pessoa de muita sensibilidade...
parabens!!!

Paty disse...

esse post foi mesmo um desabafo, uma terapia na net. o que mais gostei tb foi o do semancol... tem muita gente precisando deste...

Fagnão! xD disse...

caramba cara! senti muito, quero dizer, MUITO sentimento em seu texto... e agora acho que terei de ler os outros para entender melhor o que se passa!! faço minhas as plavras da nossa amiguinha acima... a parte do semancol realmente foi o que mais chamou atenção! ( na minha opinião claro) e muitos preciam disso realmente!

http://www.popundergroundofgod.blogspot.com/

Alessandro "ARC" disse...

è maravilhoso aconpanhar seu blog...

Pss.: tem selo la no meu pra vc..

Postar um comentário

Obrigada por comentar,dúvidas sobre algum texto deixe seu e-mail e responderei,Grata!!!!