segunda-feira, janeiro 25, 2010


As mil luzes de uma montanha em meio a escuridão

6

Aqui estou,
Na escuridão da incerteza
À beira de um precipício no meio da noite
Uma brisa fresca que dá frio na espinha
E tudo que vejo é além de um brilho dourado

Atrás de mim no escuro, uma floresta ninhada
A escuridão, como tal, ameaçando o meu humor
É assustador o frio e solidão
Imprimindo em minha mente
Como se uma força me coagisse para longe

Eu estou me sentindo como o cascalho sobre os meus pés.
Triturado lentamente conforme eu vou caminhando
Estou sobre uma base instável com uma ou duas pedrinhas deslizando,
está tão díficil de prosseguir,e esta ação acabou de me fazer lembrar o quão instável é a minha vida.

Eu sinto algo puxar
A escuridão está me puxando para cada vez mais perto
A gravitação começa a acumular neste vazio
Chamando minha alma para voar
sobre um anseio de vela para algum lugar incerto

Eu começo a sentir minhas pernas cansadas para prosseguirem
Estou começando a me perguntar
O que eu estou destinado a fazer?
É o que eu vejo,
A meta
Ou apenas uma visão?

Mil luzes do topo de uma montanha
Assombrando meus pensamentos quando eu assisto a minha queda
Eu me encolho de medo por causa do vento frio e úmido
Quero deitar e me enrolar em uma pilha mais tudo está desconfortável.

Isolamento ...
Eu limpo a sujeira acumulada
E seco o suor do meu rosto.

As luzes parecem ser extremamente calorosas
Um amontoado de pessoas aconchegantes
Um brilho castanho ilumina a noite escura
Eu vejo de longe uma imensidão selvagem me dividindo entre o real e o surreal

Neste momento eu sinto que a gravidade que drena a minha força
Esvazia a minha alma para algo ainda pior.

O poder está sendo testado além de meus limites
E eu tento descansar para ganhar fôlego
Eu me encolho de medo e sinto meus músculos torcerem,será que é o fim!!!?
Uma força invisível me incapacita

Agora, cada vez mais
Eu demoro a caminhar
Estou quase no topo de uma montanha de mil luzes
Mas cardos espinhosos agarram em meus tornozelos
suas hastes perfuram e clivam em minha carne

O espremer da ira entorpecem minhas dores
De repente, começo a escorregar
Tento agarrar mais escorego no limbo
Sinto meu corpo gradualmente estender
Mergulhado sobre a tensão muscular
Uma névoa espessa vem refrescando e acalmando

A neblina aparece em torno do monte
Formando lentamente de longe no vale abaixo
Cobrindo a luz e um misterioso brilho dourado
Como se,
A escuridão fosse iluminada
Como a fluorescência de luz
A partir do emanar da névoa

Através da espessura do ar
Eu vejo o brilho
incandescente como ouro
Um calor agradável de se sentir
Envolvendo minha pele

Eu tento mantê-lo,
Mais o desespero no meu peito me interrompe
Esta esperança agora sentida em todo o meu corpo
E eu começo a gritar,meu grito ecoa sobre o silêncio
Agora devo... Em que direção devo começar?
Minha última esperança - é me manter de pé

Ah ... eu levanto
Eu estou me levantando,me sentindo livre,fluindo como o brilho
Eu vejo,
Da montanha abaixo,
as milhares de luzes
que agora estão acima de mim,brilhando
Se eu pular eu caio ou voo?
Eu não sei!!!!!,
Então diante da incerteza eu começo a chorar...

6 Desabafos:

Arash Gitzcam disse...

Enquanto tá sentino frio tá bom...

Vini e Carol disse...

Belo poema.
Nos momentos mais difíceis é que encontramos as maiores forças, apenas nesses momentos.
Seu texto diz bem isso.

Ana Luiza disse...

Que belo poema , Parabens ! bjs

Rodolfo Soares disse...

Lindo poema piquena..... Você escreve muito bem!

Abraços
www.borarir.com

Judson Coelho disse...

Como sempre, belas palavras...
Vejo q andas numa fase meio sombria, ñ? xD

"Se eu pular eu caio ou voo?" Mas a queda também pode ser um vôo
___________________________________

Pow, estou literalmente de férias, serviço, colégio... e costumo escrever no serviço (trabalhador exemplar, ñ? =þ) enfim... tenho muitos rascunhos, palavras, frases perdidas, mas nada pronto, nada concreto (como se eu escrevesse algo concreto), contudo, pode contar q a partir de semana que vem eu tornarei a escrever e postar xD

Um abraço(pode contar com seu fiel seguidor)!

Renan Ogawa disse...

vc escreve muito bem. Já pensou em seguir carreira?
Suas palavras tocam o coração de uma forma espetacular!
visite: http://renance.blogspot.com

Postar um comentário

Obrigada por comentar,dúvidas sobre algum texto deixe seu e-mail e responderei,Grata!!!!